NOTÍCIAS

TRANSPARÊNCIA

Conselho divulga ações em veículos de comunicação

 
O Conselho Regional de Odontologia de Mato Grosso (CRO-MT) retoma as atividades nesta terça-feira (02) após o recesso de final de ano. O presidente da autarquia, Luiz Evaristo Volpato, participou na manhã desta terça de entrevistas na Rádio e na TV Vila Real, do Grupo Gazeta de Comunicação, com objetivo de divulgar à sociedade as ações do CRO-MT em 2017.
 
No ano passado, o Conselho promoveu 1.540 ações de fiscalização em 24 municípios mato-grossenses. Além das fiscalizações preventivas, o CRO-MT realiza fiscalizações em conjunto com a Polícia Judiciária Civil e com a Vigilância Sanitária, provocadas por denúncias de exercício ilegal da profissão. Em 2017 foram flagrados oito falsos dentistas atuando no Estado.
 
“É função do CRO-MT promover ações que protejam a sociedade e garantam a segurança da população no que diz respeito à saúde bucal”, afirma o presidente do CRO-MT. 
 
"Em 2018 as fiscalizações continuarão", garante. “Esta é uma das metas projetadas para este novo ano, além de realizar atividades de educação preventivas junto à população e também aos profissionais da saúde bucal”, enfatiza Volpato.
 
BALANÇO -  Entre janeiro e novembro deste ano foram realizadas 1.343 atualizações de cadastros, 143 notificações referentes a irregularidades encontradas, 46 despachos (encaminhamento ao setor jurídico para medidas cabíveis) e flagrante  de oito falsos dentistas (exercício ilegal da profissão).
 
DENÚNCIAS - Neste período, além das fiscalizações por iniciativa própria, o CRO-MT atendeu 216 denúncias, sendo 12 delas feitas de forma anônima, duas via Correios, 34 presenciais e 168 pela web (site, e-mail, whatsapp).
 
As denúncias sobre a suspeita de atuação clandestina e demais irregularidades podem ser feitas pelo telefone 0800 723 2510 / (65) 3644-2002, por e-mail (fiscal@cromt.org.br) ou por meio do site do CRO-MT (http://www.cromt.org.br/), de forma anônima. 
 
 
ZF PRESS - Assessoria de Imprensa CRO-MT

COMENTÁRIOS